Análise de I Felt a Funeral in My Brain por Emily Dickinson

Emily Dickinson’s, I Felt a Funeral in my Brain é um poema extremamente sombrio que retrata uma pessoa que está ficando louca. A visão geral do poema é que há um funeral sendo realizado em seu cérebro. Há um serviço fúnebre em andamento, com lamentadores andando para frente e para…

Autodestruição e Insanidade em Eu Senti um Funeral, em Meu Cérebro

O inconsciente se refere a experiências que estão além do controle de alguém e que ocorrem sem que alguém esteja consciente. Dentro daqueles com doenças mentais, muitas pessoas se sentem desligadas de si mesmas e começam a sentir uma profunda sensação de solidão e ansiedade. Durante a queda na loucura,…