Análise de Melhoramento de Lote e Caráter em ‘A História de uma Hora’

Apesar de ser difícil ser contra as convicções do público em geral, a escritora Kate Chopin bate que para trazer aos usuários uma escrita intrigante de qualidade. Usando tradições de histórias como a melhoria do caráter, o controle da trama e a incongruência, reforçando ainda mais sua boa fortuna, ela…

Liberalização Feminina Conseguida por Kate Chopin

Estatísticas domésticas do século XXI gritam com o divórcio. Embora a relação entre marido e mulher seja muito mais igual desde os dias de Kate Chopin ‘O Sonho de uma Hora’, o divórcio desenfreado e as famílias monoparentais ainda dificultam para as crianças e adolescentes de hoje a confiança de…

A Cultura Ascendente do Feminismo no Bebê Desiree e A História de uma Hora de Kate Chopin

As duas histórias, Desiree’s Baby, e A História de uma Hora, de Kate Choplin, ambas retratam a cultura ascendente do feminismo que ocorreu durante o período em que foram escritas. As duas histórias muito opostas mostram perspectivas diferentes sobre o tema do feminismo e da liberdade para as mulheres. Elas…

Kate Chopin’s Portrayal of Feminism (Retrato do feminismo de Kate Chopin)

Como famosa escritora feminista, os escritos de Kate Chopin têm sido minuciosamente estudados por estudiosos por muito tempo. Entretanto, uma análise profunda de como seu texto traz o conceito de feminismo em diferentes perspectivas pode ser encontrada raramente no estudo da crítica literária feminista. Neste artigo, gostaria de argumentar que…

O Tópico de Gênero em A História de uma Hora de Kate Chopin

No conto de Kate Chopin intitulado ‘A História de uma Hora’, Sra. Mallard, a personagem principal está chocada com a notícia de que seu marido aparentemente tinha morrido. Ao longo da história é revelado que a Sra. Mallard leva a notícia da aparente morte de seu marido em um assunto…

Lote, Desenvolvimento do Caráter, Ironia e Narração em A História de uma Hora de Kate Chopin

Apesar de ser difícil ser contra a escritora de convicções do público em geral, Kate Chopin bate que para criar uma literatura de qualidade que estimule o pensamento. Utilizando convenções de histórias narrativas como desenvolvimento de personagens, desenvolvimento de tramas e ironia a seu favor, ela atrai os leitores para…

Ironia e Imagem em O Papel de Parede Amarelo e A História de uma Hora: Identidade Feminina, Auto-estima e Libertação

O Papel de Parede Amarelo de Charlotte Perkins Gilman, e ‘A História de uma Hora’ de Kate Chopin exploram idéias de identidade e autoconhecimento feminino, e mais importante, de libertação feminina. Estes autores apresentam suas personagens femininas como auto-afirmativas de maneira positiva; no entanto, as personagens também reconhecem que a…

Sociedade e Cultura sobre Papéis de Gênero

Historicamente, durante o final do século XIX, havia uma grande importância atribuída à mulher para cumprir seus papéis de mãe e dona de casa. A sociedade estabeleceu ideais onde uma mulher tinha que proporcionar a seu marido um ‘lar feliz’, para que seu marido tivesse um lugar para descansar depois…